OS SAPOS PEDINDO UM REI

Foi o tempo quando os sapos ficaram descontentes porque não tinham ninguém para governá-los, por isso enviaram um pedido a Júpiter para que lhes dessem um rei. Júpiter, desprezando a loucura do seu pedido, lançou um tronco na lagoa onde eles viviam e disse:

 - "Este será o seu rei."

Os sapos ficaram aterrorizados no início com o borrifo, se esconderam nas partes mais profundas da lagoa, mas quando viram que o tronco permanecia imóvel, uma a uma se aventuraram à superfície novamente, em pouco tempo, ficando mais ousadas, começaram a sentir tal desprezo por aquele rei que até se sentaram sobre ele.

Pensando que um rei desse tipo era um insulto à sua dignidade, enviaram a Júpiter um segundo pedido, imploraram-lhe que retirasse o rei preguiçoso que lhes tinha dado e que lhes desse outro melhor. Júpiter, aborrecido por ser incomodado desta maneira, enviou uma cegonha para governar sobre eles, que logo que chegou na lagoa, começou a pegar e comer os sapos o mais rápido que pôde.

Moral da história: Cuidado com o que pede.

Plano de assinatura do Kindle