O OPERÁRIO E A COBRA

O filho pequeno de um operário foi mordido por uma cobra e morreu pela picada. Lamentando a sua perda, o pai teve muita raiva da cobra, ele pegou um machado e ficou perto do buraco onde normalmente ela fica e esperou por uma chance de matá-la.

Logo que a cobra saiu, o homem deu um golpe contra ela, mas só conseguiu cortar a ponta de sua cauda antes de entrar novamente. Ele então tentou fazer com que ela saísse uma segunda vez, fingindo que desejava fazer as pazes. Mas a cobra disse:

- "Eu nunca poderei ser seu amigo por causa da minha cauda perdida, nem você ser meu amigo por causa do seu filho perdido."

Moral da história: É difícil ser amigo de alguém que nos machucou.

Plano de assinatura do Kindle