O CACHORRO E O COZINHEIRO

Um homem rico convidou alguns dos seus amigos e conhecidos para um banquete. O seu cachorro pensou que seria uma boa oportunidade para convidar outro cachorro, um amigo dele, por isso foi o visitar e disse:

- "O meu dono vai dar um belo banquete, por isso venha jantar comigo à noite."

O cachorro assim convidado veio, quando viu os preparativos a serem feitos na cozinha disse para si mesmo:

- "Apenas digo: Estou com sorte! Vou me certificar de comer o suficiente para durar por dois ou três dias."

Enquanto falava, abanava bruscamente a sua calda para mostrar ao amigo o quanto estava feliz por ser convidado. Mas logo depois, o cozinheiro viu-o e ficou aborrecido por ter um cachorro que não conhecia na sua cozinha, apanhou-o pelas patas traseira e o jogou pela janela. Ele teve uma queda feia, coxeou o mais rápido que pôde, uivando tristemente.

Nesse momento, outros cachorros o viram e disseram:

- "Olá, que tipo de jantar arranjaste?"

Ao que ele respondeu:

- "Me diverti muito, o vinho estava tão bom, bebi tanto que realmente não me lembro de como saí da casa."

Moral da história: Não aceite favores concedidos às custas dos outros.

Interessado em ter um livro de fábulas em casa? Na Americanas você tem várias opções.

Fábulas de Esopo