AS RAPOSAS E O RIO

Um grupo de raposas estavam amontadas na margem de um rio porque queriam beber, mas a corrente era tão forte e a água parecia tão profunda e perigosa que elas não ousaram fazê-lo, mas ficaram perto da borda incentivando-se mutuamente a não ter medo.

Finalmente um deles, para envergonhar os outros e mostrar o quanto era corajoso, disse:

- "Não estou nem um pouco assustado! Veja, vou pisar direto na água!"

No mesmo momento em que tocou no rio, a corrente o puxou pelos seus pés. Quando os outros o viram sendo carregado rio abaixo, eles gritaram:

- "Não vá! Não nos deixe! Volte e nos mostre onde também podemos beber com segurança."

Mas ele respondeu:

- "Temo que ainda não possa, quero ir para a beira-mar, esta corrente me levará muito bem para lá. Quando eu voltar, vou lhes mostrar com prazer."

Moral da história: O orgulho te faz cometer estupidez.

Plano de assinatura do Kindle