A RAPOSA SEM CAUDA

Uma raposa uma vez caiu numa armadilha, após uma luta, conseguiu libertar-se, mas com a perda da sua cauda. Ela se envergonhava tanto de sua aparência que achava que não valia a pena viver a menos que pudesse persuadir as outras raposas a se separarem também das suas caudas, assim desviar a atenção de sua própria perda.

Então ele convocou uma reunião com todas as raposas, aconselhando-as a retirar a cauda:

- "São coisas feias de qualquer maneira, além disso são pesadas, é cansativo estar sempre carregando contigo."

Mas uma das outras raposas disse:

- "Meu amigo, se não tivesses perdido a tua própria cauda, não estarias tão interessado em que cortássemos a nossa."

Moral da história: Não deixe as pessoas que perdeu algo te convencer a perder também.

Plano de assinatura do Kindle