A RAPOSA E O BODE

Uma raposa caiu no poço e não conseguiu sair. Um bode sedento estava passando, quando viu a raposa no poço, perguntou:

- "A água está boa?"

A raposa respondeu:

- "Boa? É a melhor água que eu já provei em toda a minha vida, desça e experimente você mesmo."

O bode não pensou em nada além da expectativa de saciar sua sede, pulou para dentro do poço e bebeu a água até ficar satisfeito. Depois o bode, assim como a raposa, procurou um jeito de sair, mas não encontrou nenhuma.

A raposa disse:

- "Tenho uma ideia, você fica de pé em suas patas de traseiras e coloca as suas patas dianteiras na parede do poço, então eu subo nas suas costa e piso nos seus chifres, assim devo conseguir sair. Quando sair, eu também te ajudo."

O bode fez como lhe foi pedido, a raposa escalou as suas costas e assim saiu do poço, depois foi embora calmamente, o bode chamou-o em voz alta:

- "Lembre-se que você disse que iria me ajudar se eu te ajudasse."

A raposa se virou e disse:

- "Se tivesse tanta inteligência na tua cabeça como tens pelos na tua barba, não terias entrado no poço sem teres a certeza de que podia sair."

Moral da história: Pense antes de fazer.

Plano de assinatura do Kindle